SOBRE

Aconselhamento Bíblico
O QUE É?

Aconselhamento Bíblico nada mais é do que a graciosa aplicação das verdades da Bíblia aos desafios da vida. Nós cremos e ensinamos que a Bíblia fala com autoridade para cada questão da vida humana. Mais especificamente, nós cremos que, em última instância, a Bíblia aponta para uma Pessoa e um Relacionamento: Jesus Cristo como salvador e redentor. Nós cremos que a mudança verdadeira ocorre quando as pessoas passam a entender a si mesmas e aos seus problemas no contexto de um relacionamento vivo com Cristo.

NO QUE DIFERE O
"ACONSELHAMENTO BÍBLICO"
DE OUTRAS ABORDAGENS
DE ACONSELHAMENTO?
Existem três formas gerais na qual podemos categorizar tipos de aconselhamento:

  1. Aconselhamento pela Psicologia Tradicional (Humanista)  – Conselheiros da psicologia tradicional realizam uma tentativa sincera de ajudar as pessoas a encontrar integralidade (cura, melhora) ao utilizar-se de uma (ou mais, uma espécie de “misturar e combinar”) de mais de 200 diferentes abordagens de sistemas de diagnóstico e tratamento, as vezes conflitantes entre si. É importante ressaltar, de qualquer forma, que os psicólogos e psiquiatras que desenvolveram tais teorias não eram cristãos, mas, na maioria dos casos tinham suas bases morais acerca da condição humana firmadas em contrariedade às verdades bíblicas.

  2. Aconselhamento Cristão (integracionista) –Aconselhamento “cristão” é uma tentativa de assimilar princípios cristãos à grande diversidade de abordagens psicológicas. O resultado frequentemente não assemelha-se nem ao modelo original nem às verdades bíblicas.

  3. Aconselhamento Bíblico (Suficiência das Escrituras) – O movimento do Aconselhamento Bíblico é fundamentado na premissa que Deus, como Criador, tem soluções para os problemas humanos, e que suas soluções são mais eficazes que aquelas propostas por homens (Colossenses 2:1-10). A solução final para que o ser humano desolado viva uma vida plena e abundante encontra-se na Palavra de Deus. A dependência do conselheiro no Espírito Santo, oração e o uso das Escrituras, fazem o aconselhamento bíblico distintivamente diferente e significativamente superior que outras abordagens.